Quanto Gastar na Campanha de Marketing Digital?

SEM

Uma das dúvidas mais comuns para iniciantes no marketing digital é quanto gastar na campanha. Vamos entender como funciona o processo de definição do budget e como a formação dos valores a serem investidos é dinâmica. É importante que você compreenda, antes de tudo, que cada tipo de campanha tem um objetivo e um valor específico, por isso, não existe apenas uma resposta para a pergunta sobre os gastos. No entanto, definir quanto gastar é mais simples do que pode parecer.

Antes de Definir os valores, você deve decidir que tipo de campanha vai fazer e quais os objetivos. Para o caso de fazer campanhas de Branding, por exemplo, seus custos serão baseados no tempo de divulgação e no valor disponível, dividido pelos dias. Como não há venda de produto, você tem que lastrear o R.O.I (Return Over Investment) em tipos de conversão definidas, que não as métricas de vendas mais comuns.

Quais os Tipos de Campanha e Quanto Gastar em Cada Uma?

Vamos ver 5 tipos básicos de campanha:

  • Campanhas de Links Patrocinados
  • Campanhas de Google Display
  • Campanhas de Remarketing
  • Campanhas de Facebook
  • Campanhas de Instagram

Quanto Gastar nas Campanhas de Links Patrocinados

Nas campanhas de links patrocinados é mais simples de definir quanto gastar, pois a própria natureza da campanha auxilia nesta tarefa. Links Patrocinados são baseados na compra de clique através de palavras-chave. Logo, uma pesquisa rápida na ferramenta de palavras-chave do Google Ads vai mostrar uma projeção de quanto se pagará pelo clique por palavra-chave escolhida. O Google dá esta noção para que você possa definir sua configuração de campanha e também quanto gastar para obter o máximo resultado dentro do orçamento alvo.

Por exemplo: você tem um produto que custa R$ 200 reais e resolve fazer uma campanha de links patrocinados para gerar vendas desse produto. Você busca no Google Ads e descobre que o custo médio para as palavras relevantes está em R$ 2,59 por clique. Você então volta-se para o custo do produto para descobrir quanto gastar na campanha para ter lucro.

Fazendo esta conta vai descobrir quanto é o Custo por Aquisição alvo para que a campanha tenha um ROI positivo. Vamos supor que você tem um custo por aquisição possível de R$ 50 reais, o que significa que você pode gastar R$ 50 para gerar uma venda de R$ 200 e ter lucro. Portanto, Custo por Aquisição (CPA) ÷ Custo por Clique (CPC) = quantidade de cliques. Logo, 50 ÷ 2,59 = 19, o que significa que você precisaria de 19 cliques a R$ 2,59 para obter lucro na venda do seu produto. Isso dependeria de uma taxa de conversão de aproximadamente 6%. Se você tiver este dado concreto, é só definir quanto estima vender e multiplicar pelo CPA alvo. Tomando como base o inventário de 50 produtos, 50 (produtos) x 50 reais (CPA) = R$ 2.500 reais de custo de campanha.

Mas você pode não estar com taxas de conversão na mão, neste caso, defina seu objetivo diferente do custo por aquisição. Você pode optar por uma campanha de maximização de cliques. Se o CPC médio é R$ 2,59 você precisa de R$ 259 para gerar 100 cliques. A partir daí, você terá noção da taxa de conversão para definir um CPA desejado e definir novos valores para sua campanha. Veja que estes números são apenas exemplos para ilustrar o raciocínio. Pode ser que você entenda que não tem verba disponível para iniciar a campanha, então você, já tendo noção de quanto vai custar, a partir do CPC médio, espere um pouco, reservando verba para iniciar uma campanha de maior impacto.

Quanto Gastar nas Campanhas de Google Display

Nas campanhas Display o cálculo de quanto gastar na campanha muda. A lógica da campanha é diferente dos links patrocinados, portanto, o cálculo do orçamento necessário vai mudar. Campanhas Display tem o custo baseado em visualizações (você também pode escolher pagar por clique, mas geralmente não vale a pena). Por exemplo, você faz uma campanha da rede display do Google e define que quer pagar R$ 1 real para cada mil visualizações, significa que vai pagar R$ 0,001 por cada visualização do anúncio. Imagine que a taxa de clique esta em torno de 0,5%, então com R$ 1 você teria 5 cliques a um CPC médio de R$ 0,20 centavos.

Esse seria o cenário básico, porém você deve levar em consideração que é um leilão, ou seja, a chance de você conseguir mil visualizações gastando apenas R$ 1 real, pode não se concretizar. O Google também vai levar em consideração o valor oferecido no leilão para entregar seus anúncios, além disso, existe a concorrência pelo parceiro. Ou seja, a veiculação em determinados parceiros, ainda que via Google, pode custar mais caro. E isso vai afetar diretamente o cálculo de quanto gastar na campanha.

Portanto, leve em consideração a conta feita do custo por visualização e estime uma taxa de cliques entre 0,2% e 0,5%, isso vai te dar uma base para chegar a um valor razoável para sua campanha. Você pode escolher o valor a gastar baseando-se na quantidade de cliques desejada ou então simular quantos cliques conseguiria com a equação demonstrada, simulando os cenários para definir quanto gastar na campanha.

Quanto Gastar nas Campanhas de Remarketing

As campanhas de remarketing seguem o mesmo ritual das campanhas Display, ou seja, também são baseadas no custo por impressão. Porém, a natureza dessas campanhas é um pouco diferente, pois elas, basicamente, apresentam seus anúncios apenas para pessoas que já acessaram seu site (por exemplo). Portanto, é um público que já teve algum contato com sua marca, além disso, é uma campanha de reforço ou recuperação de venda, portanto, você pode investir um pouco mais pelo lote de visualizações, pagando mais pelo clique, embora se possa esperar uma taxa de clique um pouco maior que os 0,2% a 0,5% das campanhas Display. Sabendo que o clique pode custar um pouco mais você pode definir quanto gastar na campanha aumentando a verba ou mantendo o mesmo valor em detrimento da redução de cliques.

Quanto gastar nas Campanhas de Facebook

As Campanhas de Facebook seguem o padrão do Instagram. Você define uma valor a ser gasto por dia e durante quantos dias deseja que a campanha seja veiculada. As métricas são diferentes das campanhs de Google, pois existem diversas configurações de campanha e os resultados podem ser medidos por likes, reações, vendas etc. Você pode Impulsionar Páginas, Perfis, Postagens ou Fazer anúncios. Cada um pode gerar um resultado diferente, para as mesmas verbas.

O gerenciador de anúncios do Facebook permite criar campanhas que serão veiculadas tanto no Face quanto no Insta (caso as contas estejam vinculadas). O Facebook tem uma ferramenta mais completa para divulgação, permitindo configuração para impulsionar postagens e páginas ou fazer anúncios. O mecanismo do Facebook também oferece um sistema mais fácil de escolha de verba pois ele permite que você selecione e segmente o público-alvo e depois preencha os valores diários para gastar. Antes que você defina o valor, ele mostra estimativas de quantas pessoas serão alcançadas por dia com a verba. Desta forma você pode simular e definir o resultado esperado que melhor cabe na sua estratégia.

O Facebook também permite criação de campanhas com foco em conversão, com a possibilidade de definir um custo por aquisição, neste caso, a definição de quanto gastar na campanha para cada conversão segue o mesmo padrão do que foi explicado na seção sobre Campanha de Links Patrocinados.

Quanto gastar nas Campanhas de Instagram

Nas campanhas de Instagram você define orçamento e recebe um feedback sobre o alcance previsto apra a verba, de acordo com a segmentação de público-alvo paga por visualizações, podem ser criadas diretamente no painel do app e permitem impulsionar postagens ou perfil. Na hora de fazer o Setup das campanhas, você vai definindo seu público e a própria ferramenta, quando permite a você preencher o valor de gasto diário, vai mostrar qual o alcance previsto para a verba. Sendo assim, você pode definir a verba de acordo com as estimativas que a própria ferramenta mostra a você.

Outras Considerações para Definir o Gasto das Campanhas

A principal diferença entre as campanhas está na veiculação, enquanto campanhas de links patrocinados baseiam-se em uma atividade do público-alvo, as campanhas de mídia display são passivas. Quando o usuário digita uma busca, tentamos oferecer a ele uma solução e isso coloca taxas de clique muito maiores que as campanhas Display. Pois ele está em busca da solução que podemos oferecer a ele. No caso das campanhas Display a situação é diferente, embora a mensagem possa ser exatamente a que vai gerar vendas, embora haja segmentação altamente customizável unindo perfil demográfico e contexto, os anúncios estão em uma posição inferior ao destaque do conteúdo. Por isso a taxa de cliques é mais baixa, embora o valor investido pode ser menor. N

No entanto, você não deve desconsiderar a experimentação como forma de chegar ao budget ideal. Pois os valores do leilão são volúveis e podem ser afetados por questões sazonais. Alem disso existem variáveis como correspondência de palavras-chave, que podem afetar os valores do leilão. Ou mesmo nas campanhas da rede display, diferentes segmentações podem oferecer oportunidades mais ou menos caras para iniciar uma veiculação. Quando você conseguir destinar, dentro das suas possibilidades, um orçamento de marketing e partir dele para estipular quanto gastar nas suas campanhas, conseguirá verificar o resultado possível de acordo com as equações de cada mídia e utilizar com mais propriedade as técnicas descritas neste artigo.

Leia Também:

Nenhum resultado encontrado

A página que você solicitou não foi encontrada. Tente refinar sua pesquisa, ou use a navegação acima para localizar a postagem.

MktOnlineFácil

MktOnlineFácil

Editor

Ajude outras pessoas compartilhando nosso conteúdo. Obrigado 😉